Jornal Correio do Cidadão


Folha do Ivaí – Nº 09

270 cidades do Paraná não têm delegado de polícia…

 


Jornal Correio do Cidadão

E de repente, os militares abrem as portas…

(Tiago Silva)

Não se iluda, caro leitor. Não vai ser desta vez que teremos acesso aos papéis que documentam todas as atrocidades cometidas nos terríveis anos de chumbo. Ao menos foi o que disse o ministro da Defesa, Nelson Jobim, na última segunda-feira, 27.

Você deve estar se perguntando, oras, mas por quê?

O motivo, segundo Jobim, é que os documentos produzidos na época da ditadura já não existem. A papelada toda sumiu! Tomou um chá de sumiço e se escafedeu!

Com isso, as Forças Armadas lavaram as mãos quanto à divulgação de documentos do período da ditadura, e nós, a maquiagem de palhaços, por acreditar que estaríamos prestes a desvendar o elo perdido…


Jornal Correio do Cidadão


Tem gente que acredita em cada coisa…

(Tiago Silva)

Papai Noel, coelhinho da páscoa, saci pererê, monstro do lago Ness, entre muitos outros inventos fantasiosos populares são acreditados por milhões de pessoas mundo afora. Até aí, tudo bem. O problema é quando se começa a acreditar em absurdos mais pesados, como, por exemplo, as promessas de palanque.

Acabam de sair do forno duas novíssimas supersecretarias, aprovadas pela Assembleia Legislativa do Paraná. São elas, Infraestrutura e Logística e de Família e Desenvolvimento Social. Ninguém mais ninguém menos que o irmão e a esposa do governador Beto Richa vão estar no controle dessas duas pastas que, somadas, concentram 80% da capacidade de investimento do Estado. E não para por aí… Junto a essas duas supersecretarias foram criados, também, 295 novos cargos comissionados.

Mas, espera… Não era o próprio Beto Richa que esbravejava em seus palanques contra o nepotismo e o abuso dos cargos em comissão de Roberto Requião?

Está mais fácil acreditar em duendes…


Folha do Ivaí – Nº 08


Jornal Correio do Cidadão

Só Jesus salva?

(Tiago Silva)

O deputado federal Romário (PSD-RJ), exemplo vivo do que o País tem de melhor em seu esporte número um, começa a conhecer um outro lado do “País do Futebol”. Quando atleta, seus únicos problemas eram, talvez, um hotel de quinta categoria aqui ou um vestiário sem chuveiros de água quente ali. Agora, político, ele certamente deve estar morrendo de saudades desses probleminhas.

Em entrevista publicada nesta segunda-feira, 20, na Folha de São Paulo, Romário se mostrou bastante pessimista quanto ao andamento das obras para a Copa do Mundo de 2014. Mais. Para ele, somente Jesus Cristo pode salvar a Copa…

Está certo de que dizem por aí que ele é brasileiro, mas até mesmo para o Todo-Poderoso, patriotismo tem limites. Até porque, multiplicar pães é possível, porém, multiplicar honestidade, não há milagre que o faça…